Caso Adrian: justiça condena autor de homicídio a 9 anos de prisão. Ele recorre em liberdade

Promotor Evandro Kaltbach (D) participou do programa Rádio Ação da manhã desta quarta-feira, dia 19

No último dia 7 de abril, foi realizado em São Marcos o júri do lutador de jiu-jitsu, Carlos Alberto Silva de Jesus. Ele foi condenado a nove anos, quatro meses e 15 dias de prisão pela morte de Adrian Bardini Oss Emer, 19 anos.

O crime ocorreu em setembro de 2009. Conforme o Ministério Público, Adrian foi agredido em uma festa, encaminhado ao hospital, vindo a falecer 12 dias depois. O réu, Carlos Alberto, foi pronunciado por homicídio qualificado. À sentença cabe recurso e Carlos Alberto recorre em liberdade.

Ouça entrevista com o promotor da Comarca de São Marcos, Evandro Lobato Kaltbach:

      Evandro Kaltbach_parte 1
      Evandro Kaltbach_parte 2